Categorias
Memória

I Seminário sobre Álcool e Drogas na UFRJ

O I Seminário sobre Uso, Abuso e Dependência de Álcool e outras Drogas da UFRJ contou com a participação de diversos especialistas que levaram informações sobre a política interna da instituição com relação ao assunto.

O "I Seminário sobre Uso, Abuso e Dependência de Álcool e outras Drogas da UFRJ" terminou na tarde de quinta-feira (11/11) e contou com a participação de diversos especialistas que levaram informações sobre a política interna da instituição com realação ao assunto. O evento aconteceu no Auditório Rodolpho Paulo Rocco, o Quinhentão, com palestras e apresentações de painéis.

As discussões sobre as políticas públicas relacionadas ao álcool e drogas dominaram o primeiro dia do evento, que contou com a participação de Silvia Pontes, que está à frente da Coordenadoria Especial de Promoção da Política de Prevenção à Dependência Química (CEPDQ) do município do Rio de Janeiro.

Por mais de uma hora, Silvia Pontes apresentou as ações da prefeitura carioca, focadas mais na prevenção. “O nosso trabalho é intitulado de Rio Cidade Preventiva e se sustenta em três pilares: parcerias com governos federal e estadual para redução da oferta, busca da redução da demanda, da prevenção, na qual a atuação da prefeitura é maior, e busca de redução de riscos e minimização de danos para a saúde”.

A coordenadora do CEPDQ enfatizou que como não é possível detectar nem com quem, nem quando as drogas se tornarão um problema, a ação preventiva é a melhor forma de atuar. Ela informou o telefone da ouvidoria do órgão (2976-7452), que auxilia as pessoas que procuram ajuda encaminhando para tratamento se preciso, prestando aconselhamento e realizando atividades preventivas.

Durante os intervalos das palestras, os participantes podem conferir painéis com apresentações de diversos trabalhos já realizados na universidade pelo Núcleo de Intervenções Breves em Álcool e outras Drogas da Prefeitura Universitária (NIB-PU), organizador e promotor do evento, pelo Centro de Ensino e Pesquisa e Referência em Alcoologia e Adictologia (Cepral) e por outros núcleos que conduzem projetos de controle do uso de álcool e outras drogas na UFRJ.