Categorias
Memória

Centro de Tecnologia comemora 40 anos

A Decania do Centro de Tecnologia (CT/UFRJ) comemorou nessa quarta-feira, dia 28, os 40 anos de criação do Centro.

   Assista à matéria da WebTV sobre o evento
 
A Decania do Centro de Tecnologia (CT/UFRJ) comemorou nessa quarta-feira, dia 28, os 40 anos de criação do Centro. O evento, ocorrido no Salão Nobre do CT, realizou pela manha, uma entrega de placas como homenagem aos ex-decanos que fizeram parte da sua trajetória. Entre eles, estavam: Afonso Henriques de Brito, Carlos Alberto Nunes, Amaranto Lopes, Carlos Russo, Mario Fernando Petzhold, Cláudio Baraúna e Oscar Acselrad.

A mesa-redonda foi composta por Walter Suemitsu, atual decano do Centro de Tecnologia; Afonso Henriques, ex-decano que representou os demais na mesa; Aquilino Senra, vice-diretor do Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia (Coppe/UFRJ); Angela Uller, pró-reitora de Pós-graduação e Pesquisa, entre outros.

Os participantes parabenizaram todos os ex-decanos, funcionários e superintendentes e Aquilino Senra definiu o Centro como local de partida das principais inovações existentes no país: “Aqui, foram realizadas pesquisas que contribuíram para o desenvolvimento da nação, como a prospecção de Petróleo em águas profundas da Petrobras, o desenvolvimento da Petroquímica no Brasil e a formação de mão de obra qualificada, embora ainda tenha muito a ser feito”.

– A importância dessa comemoração pelos 40 anos do Centro de Tecnologia está na possibilidade de rememorar a data e ao mesmo tempo fazer uma homenagem às pessoas que participaram desde o início, e que trabalharam para mantê-lo todos esses anos. Além de mostrar que existe uma história e que todo futuro deve ser constituído respeitando essa história – declarou Walter Suemitsu.

Afonso Henriques de Brito, decano na década de 70, percorreu 40 anos de história e apresentou as principais dificuldades enfrentadas durante sua gestão. “Os problemas daquela época foram gerados pelo período de ditadura militar e pela necessidade em se implementar uma reforma universitária, através da qual, foram criadas as decanias.” Mencionou ainda, questões pessoais e valorizou a importância dada por ele, às manifestações culturais no salão nobre do CT, onde já se apresentou Gonzaguinha, a orquestra da Escola de Música da UFRJ e peças teatrais como “O pagador de promessas”, de Dias Gomes.

Afonso Henriques atuou como diretor de Engenharia entre 65 e 70 e então como decano do Centro ate 78. Durante esse período, foi responsável por trazer ao fundão as séries de Engenharia e as atuais unidades que compõe o prédio: Escola Politécnica (Poli/UFRJ), Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia (Coppe/UFRJ), Escola de Química (EQ/UFRJ) e Instituto de Macromoléculas Professora Eloísa Mano (IMA/UFRJ).

O Centro de Tecnologia realiza também uma exposição intitulada: “Um olhar no Passado, no Presente e uma visão do Futuro”. Ela está disponível até o dia 13 de junho, a partir das 10 horas, e apresenta fotografias que revelam os 40 anos do Centro, plantas das respectivas unidades que ele abrange e projetos de expansão, além de um vídeo ilustrativo dos momentos de construção do prédio no Fundão.

Os homenageados fizeram seus agradecimentos pessoais durante a cerimônia de entrega de placas e se mostraram satisfeitos pela forma como o Centro de Tecnologia evoluiu nesses 40 anos.

No final do evento, houve lançamento da galeria virtual dos ex-decanos, na página eletrônica www.ct.ufrj.br e uma visita ao museu da Escola Politécnica como parte da programação das comemorações.