Categorias
Memória

Comissão da Memória e Verdade da UFRJ faz evento sobre a invasão da FNM

O encontro é aberto ao público e acontece no dia 31/03. Haverá depoimentos de ex-estudantes da Faculdade de Medicina e exposição de fotos do episódio que ficou conhecido como "Massacre da Praia Vermelha".

A Comissão da Memória e Verdade da UFRJ promoverá, no dia 31/03, um encontro aberto para reviver o marco da resistência estudantil à ditadura militar: a invasão da então Faculdade Nacional de Medicina (FNM) da UFRJ, em 1966, por forças policiais.

Na madrugada de 23 de setembro daquele ano, soldados da Polícia Militar invadiram e depredaram o prédio da FNM, na Praia Vermelha – na atual Unirio –, agredindo cerca de 600 estudantes que ocupavam a universidade em protesto contra a ditadura e em defesa da autonomia universitária.

O encontro, que acontece 48 anos depois do chamado “Massacre da UFRJ”, irá reunir ex-alunos que participaram do acontecimento histórico.

Após os depoimentos, haverá debate sobre o impacto da repressão na universidade, o motivo principal da mobilização dos estudantes da universidade naquela noite.

O encontro, que também contará com uma exposição de fotos da invasão, acontece às 18h, no Auditório Paulo Freire, do Centro de Ciências Humanas e Sociais da Unirio – Avenida Pasteur, 456, Praia Vermelha.