Categorias
Memória

UFRJ promove 11ª edição da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

Com o tema "Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Social", a SNCT proporciona experiências interdisciplinares para alunos da rede pública de ensino.

Por Diane Dias 

Teve início hoje a 11ª edição da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia UFRJ 2014. A maior parte da programação acontece no prédio da Reitoria, mas o evento se estende a vários locais da universidade até a próxima sexta-feira, 17/10.

A SNCT é uma iniciativa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Informação para promover a difusão de conhecimento técnico-científico a toda população, com foco nos estudantes do Ensino Fundamental e Médio da rede pública.

O evento proporciona aos alunos diversas oficinas interdisciplinares que contribuem para levar conhecimento nas áreas de ciência, tecnologia, cultura e inovação e, nesta edição, os alunos e as escolas participam ativamente da realização do evento, deixando de serem espectadores para serem colaboradores. Assim, estreitam os laços do Ensino Básico com a academia.

O Pró-Reitor de Extensão, Pablo Benetti, enfatizou a importância do evento como momento para a UFRJ mostrar para a sociedade o que está sendo produzido.

“Os alunos têm que pensar no que querem e aplicar o que fazem. É um momento de grande confraternização e divulgação científica, que está melhor a cada ano”.

Para a professora Selene Maia, coordenadora da SNCT-UFRJ, o tema “Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Social“ é uma excelente oportunidade para o estudante da universidade adquirir conhecimento humanístico e caracteriza ainda mais a UFRJ como centro de excelência em educação, ciência, tecnologia e cultura.

“Um dos diferenciais dessa SNCT é a participação dos estudantes de graduação e pós-graduação como mediadores do evento, que traz um elemento epistemológico estruturante para a formação contextualizada dos estudantes, possibilitando  uma visão humanística da ciência, cultura, tecnologia e inovação, que é essencial para torná-los profissionais mais bem capacitados”, disse.

Segundo a coordenadora, o grande diferencial, no entanto, é a interdisciplinaridade do evento, pois, a partir dele, muitos professores passaram a elaborar projetos de extensão e pesquisa interdisciplinares, com o intuito de popularizar o aprendizado.

“Não trabalhamos com estandes para não fragmentar o conhecimento, todas as atividades são realizadas de maneira lúdica para facilitar o entendimento. Esse evento contribui para despertar vocações em diversas áreas, e torcemos para que esses estudantes que nos visitam sejam nossos futuros alunos”, afirmou Selene.

Um dos exemplos de interdisciplinaridade da SNTC é a atividade “Geociências, Escola e Sociedade: Integração de Saberes”, desenvolvida pelo Instituto de Geociências, pela Subsecretaria Municipal de Defesa Civil, Escola Manuel Bandeira e Escola Municipal Darcy Ribeiro.

Além das oficinas, o evento proporciona também visitas guiadas nos museus e laboratórios da UFRJ, para que os estudantes conheçam e participem efetivamente das atividades programadas nesses locais.

No Laboratório de Aplicação de Supercondutores (Lasup), por exemplo  – será apresentado aos estudantes a tecnologia do MagLev-Cobra, veículo de levitação magnética com articulações múltiplas, desenvolvido pela Coppe. 

A coordenadora também destacou a importância da Divisão de Cultura e Divulgação Científica da Pró-reitoria de Extensão. “Sem esses integrantes o evento não teria esse brilhantismo, eles são imprescindíveis.”

A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia UFRJ 2014 acontecerá até sexta-feira, e a programação completa está disponível em: http://snct.pr5.ufrj.br/index.php/programacao