Categorias
Memória

Restaurante Universitário do CT levará nome de estudante

Em decisão tomada por unanimidade na sessão de quinta-feira, 22 de março, o Conselho Universitário (Consuni) aprovou a proposta do Diretório Central dos Estudantes (DCE) de conferir ao Restaurante Universitário do Centro de Tecnologia (CT) o nome da estudante Áurea Valadão.

Em decisão tomada por unanimidade na sessão de quinta-feira, 22 de março, o Conselho Universitário (Consuni) aprovou a proposta do Diretório Central dos Estudantes (DCE) de conferir ao Restaurante Universitário do Centro de Tecnologia (CT) o nome da estudante Áurea Valadão.

A proposta foi encaminhada ao Conselho Universitário, no Dia Internacional da Mulher (8 de março), pela estudante Danielle Ramos, à frente da diretoria de combate às opressões da mulher, do DCE. Áurea foi uma estudante do Instituto de Física, morta em 1974, na Guerrilha do Araguaia, durante a ditadura militar.

“Entendemos que Áurea representa diversas lutas que ainda estão vivas, como a luta por universidades mais democráticas, que garantam assistência de qualidade e que pensem mais a assistência para as mulheres, a luta da emancipação da mulher que ainda sofre uma exploração maior e, principalmente, por uma sociedade sem mazelas”, justificou Danielle.

Aloísio Teixeira à frente da Estatuinte
Na mesma sessão, o Conselho homologou a indicação do ex-reitor, professor Aloísio Teixeira, à presidência da Comissão Estatuinte, em substituição ao professor Adalberto Vieyra, que pediu afastamento da função. O trabalho de Vieyra como presidente da Comissão foi enaltecido pelos conselheiros.