Categorias
Memória

Valongo desvenda aspectos de formações estelares

“Extinguindo a formação estelar de galáxias em redshifts intermediários” é o título do próximo seminário no Observatório do Valongo (OV-UFRJ). Marcado para o dia 7/12, ele será ministrado pelo professor Thiago S. Gonçalves, do próprio Valongo.

“Extinguindo a formação estelar de galáxias em redshifts intermediários” é o título do próximo seminário no Observatório do Valongo (OV-UFRJ). Marcado para o dia 7/12, ele será ministrado pelo professor Thiago S. Gonçalves, do próprio Valongo.

O intuito do seminário é apresentar um estudo recente sobre o assunto, realizado no Observatório, e apresentar seus resultados, a fim de expor os avanços nessa área de pesquisa.

A palestra ocorre às 16h, no auditório do OV, sala 101A. O Valongo fica na Ladeira do Pedro Antônio, 43 – Saúde.

Resumo da palestra
A bimodalidade de propriedades de galáxias em alto e baixo redshifts é bem conhecida, com uma distinção clara entre galáxias azuis, que estão ativamente formando estrelas, e as vermelhas, consideradas passivas. A ausência de objetos com propriedades intermediárias indica que o processo de transição e cessação de formação estelar deve ocorrer rapidamente. Neste seminário será apresentado um estudo recente de mais de 100 galáxias de transição no chamado "vale verde" em redshifts intermediários (z~0.8), que utiliza espectros profundos (8-9 horas) obtidos com o instrumento Deimos no telescópio Keck. O objetivo é analisar o histórico de formação estelar desses objetos e medir o fluxo de massa estelar entre as duas populações quando o universo tinha metade de sua idade atual. Os resultados indicam que esse processo ocorria de maneira mais violenta no passado, representando assim um "downsizing" no processo de cessação nos últimos 6-7 bilhões de anos.