Categorias
Memória

Escola de Serviço Social divulga nota de pesar pelo falecimento de Nobuco Kameyama

A Escola de Serviço Social (ESS) da UFRJ divulgou moção de pesar pelo falecimento da professora Nobuco Kameyama, ocorrido no último dia 8. De acordo com Mariléia Venâncio Porfírio, coordenadora do Núcleo de Estudos de Políticas Públicas em Direitos Humanos (Nepp-DH), Nobuco deixa o “exemplo impar de trabalho acadêmico, sério e competente, engrandecedor da coisa pública aliada à ética na política em todas as suas esferas”.

A Escola de Serviço Social (ESS) da UFRJ divulgou moção de pesar pelo falecimento da professora Nobuco Kameyama, ocorrido no último dia 8. De acordo com Mariléia Venâncio Porfírio, diretora do Núcleo de Estudos de Políticas Públicas em Direitos Humanos (Nepp-DH), Nobuco deixa o “exemplo impar de trabalho acadêmico, sério e competente, engrandecedor da coisa pública aliada à ética na política em todas as suas esferas”.

Mestre em Sociologia e doutora em Geografia Social pela École des Hautes Études en Sciences Sociales, Nobuco entrou para a UFRJ em 1987. Exerceu os cargos de vice-diretora da ESS-UFRJ, entre 1998 e 2002, e o de coordenadora do Programa de Pós-Graduação do Serviço Social, entre 2002 e 2004. De acordo com a nota, seu trabalho contribui para a transformação da pós-graduação da unidade em um “centro de pesquisa de excelência, reconhecido internacionalmente”. Consultora do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) entre 1990 e 1998, Nobuco deixou para a ESS-UFRJ, “o reconhecimento do Serviço Social como área de produção de conhecimento pelos órgãos de fomento de pesquisa”, de acordo com a missiva.

Leia abaixo a íntegra da moção da ESS-UFRJ:

NOTA DE FALECIMENTO

É com profundo pesar que a Direção da ESS/UFRJ comunica o falecimento
ocorrido na madrugada de 08/06/11, na cidade de São Paulo, de nossa querida Professora Titular aposentada Nobuco Kameyama, cuja combinação singular de serenidade e firmeza teórica nunca esqueceremos. Graduada em Serviço Social pela Faculdade de Serviço Social de Lins (1964), Especialista em Sciences Sociales Et Economiques pela Universite Catholique de Louvain (1972), Mestre em Sociologia pela École des Hautes Études en Sciences Sociales (1975) e Doutora em Geografia Social pela École des Hautes Études en Sciences Sociales (1978), Nobuco dedicou parte significativa da sua vida e da sua vasta produção acadêmica a ESS da UFRJ, desde 1987, quando aqui ingressou como docente.
Sua qualificação teórica e grandeza intelectual não a privaram de assumir funções administrativas importantes em nossa unidade de ensino; de 1998 a 2002, exerceu o cargo de Vice-Direção e, de 2002 a 2004, o de Coordenação do Programa de Pós-Graduação do Serviço Social. Foi justamente sua atuação neste programa, ao lado de outros intelectuais (Carlos Nelson Coutinho, José Maria Gomez, Marilda Villela Iamamoto, José Paulo Nettoe Jean-Robert Weisshaupt), que possibilitou um profundo redimensionamento da pós-graduação da ESS da UFRJ e a sua transformação num centro de pesquisa de excelência, reconhecido internacionalmente. Mas a contribuição de Nobuco Kameyama extrapola em muito o âmbito desta unidade de ensino. Tendo sido consultora do CNPq por quase uma década (1990-1998) e se dedicado com paixão ao desenvolvimento da pesquisa pós-graduada, nos legou o reconhecimento do Serviço Social como área de produção de conhecimento pelos órgãos de fomento de pesquisa.

A ESS/UFRJ se enluta neste momento, mas também se orgulha de ter contado no seu quadro docente com a querida professora Nobuco Kameyama. Seu legado jamais será esquecido e ele exige de todos nós o compromisso de perpetuá-lo.