Categorias
Memória

Qualificação no combate à criminalidade

Com o objetivo de tornar as instituições policiais do Estado do Rio de Janeiro mais eficientes, pesquisadores e professores da Faculdade de Direito, Instituto de Biologia, Instituto de Química e do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana (Fiocruz), desenvolveram o Curso de Ciências Forenses Aplicadas a Investigação Criminal, em parceria com os peritos criminais e legistas da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro.

Curso de Ciências ForensesDigitais em portas arrombadas. Vestígios de sangue imperceptíveis na mala do automóvel. Bilhetes anônimos com ameaças e exigências. Sinais de abuso sexual em corpos degradados. São essas algumas das evidências que, nas mãos dos peritos criminais e outros profissionais da ciência forense, podem conduzir à elucidação de diversos tipos de crime. Entretanto, é preciso saber ler e analisar esses indícios, para que ganhem a dimensão de pistas válidas para a investigação policial e transformem-se em provas aceitas diante dos tribunais.

É com o objetivo de tornar as instituições policiais do Estado do Rio de Janeiro mais eficientes para atuarem no combate as atividades criminosas com fundamentos científicos e tecnológicos que pesquisadores e professores da Faculdade de Direito, Instituto de Biologia, Instituto de Química e do Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana (Fiocruz) desenvolveram o Curso de Ciências Forenses Aplicadas a Investigação Criminal, em parceria com os peritos criminais e legistas da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro.

O curso aborda conceitos e aplicações práticas na área pericial e de investigação forense, associadas a fundamentos de medicina legal para atender as atividades profissionais de autoridades policiais e seus agentes das forças de defesa e segurança pública. Reúne conhecimentos das áreas da química, física, biologia e outras disciplinas vinculadas a ciência forense e tem por coordenadores os professores Claudio Cerqueira Lopes (UFRJ), Nelson Massini (UFRJ) e Roger Ancillotti (Ucam). 

Na próxima sexta-feira, dia 27 de maio, será realizada a mesa redonda inaugural, marcada para as 9 horas, na Faculdade de Direito da UFRJ, que fica na rua Moncorvo Filho, 8, Centro. Entre os convidados à mesa estão o Senador Marcelo Crivella, o professor da UFRJ Carlos Lessa, o psiquiatra Forense Talvane de Moraes e o vereador Gilberto Lima. 

As aulas regulares do curso, financiado pela Faperj acontecem aos sábados, a partir do dia 28 e são gratuitas.

Mais informações pelos telefones 2562-7105 ou 9774-3921.