Categorias
Memória

Falta d’água no Palácio Universitário encerra expediente mais cedo

Apesar do retorno das atividades administrativas, esta sexta-feira (01/04), nas unidades do Palácio Universitário, o expediente foi encerrado por volta das 16h, devido a rachaduras na caixa d´água do Palácio Universitário.

Apesar do retorno das atividades administrativas, esta sexta-feira (01/04), nas unidades do Palácio Universitário, o expediente foi encerrado mais cedo devido à falta d’água no prédio. De acordo com a diretora da Faculdade de Educação (FE), Ana Maria Monteiro, não houve problemas com a parte elétrica nas instalações da unidade. Mas a impossibilidade de uso dos banheiros fez com que os funcionários fossem dispensados por volta das 16h.

O mesmo aconteceu na Escola de Comunicação (ECO). Segundo a diretora Ivana Bentes, a ECO-UFRJ foi reaberta, mas as atividades tiveram que ser encerradas mais cedo. Já o Instituto de Economia (IE) permaneceu fechado para que últimas revisões na parte elétrica fossem realizadas, segundo informações do diretor da unidade, Ary Ferreira.

O diretor da Divisão de Projetos e Imóveis Tombados (Diprit) do Escritório Técnico da Universidade (ETU), Paulo Bellinha, garantiu que o setor de eletricidade já opera normalmente e a maior preocupação no momento é a falta d’água, consequência de uma rachadura na principal caixa d’água que abastece o edifício.

O reitor Aloísio Teixeira se reuniu nesta tarde com diretores das unidades que operam dentro do Palácio Universitário e divulgará uma nota oficial a respeito da retomada das aulas no local.

Faculdade de Educação

Ana Maria Monteiro falou também sobre a documentação da unidade perdida no incêndio no último dia 28. Segundo a diretora da FE-UFRJ, o acervo do Programa de Estudos e Documentação Educação e Sociedade (Proedes) não estava na área atingida pelo fogo. No entanto, documentos dos 43 anos de existência da unidade, como atas de reuniões, entre outros, foram perdidos.