Categorias
Memória

Comunicação da UFRJ recebe nota máxima do MEC

O Ministério da Educação divulgou, na última quarta-feira (16), a Avaliação Externa das Instituições de Ensino Superior. O relatório, aprovado em 2008 e organizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), tem como objetivo analisar a qualidade das instâncias universitárias.

O Ministério da Educação divulgou, na última quarta-feira (16), a Avaliação Externa das Instituições de Ensino Superior. O relatório, aprovado em 2008 e organizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), tem como objetivo analisar a qualidade das instâncias universitárias.

A Comunicação da UFRJ recebeu nota máxima dos avaliadores que, de 6 a 10 de fevereiro, visitaram as dependências da instituição. Depois de conhecer os serviços oferecidos pela Coordenadoria de Comunicação da universidade, entre eles o Portal UFRJ, a UFRJ Web TV, os boletins virtuais e o jornal impresso, a comissão avaliadora concluiu que as ações desempenhadas pelo setor estão de acordo com as metas do Plano Quinquenal de Desenvolvimento Institucional (PDI – 2005-2010).

Na avaliação, foram destaque os mais de três milhões de acessos recebidos pelo Portal UFRJ em 2009, dado que classificou a UFRJ como a 4ª universidade com maior número de visitas eletrônicas no Brasil e a 7ª na América Latina. Vale ressaltar que, em 2010, o "2011 World University Ranking" apontou o Portal da UFRJ como o mais acessado no Brasil. O documento do MEC também mencionou o trabalho realizado pela Ouvidoria Geral que, ao longo de dois anos, respondeu 85% das manifestações recebidas. Segundo o parecer do MEC, “esses indicadores configuram um quadro muito além do que expressa o referencial mínimo de qualidade”.

Além da Comunicação, a UFRJ foi avaliada com nota máxima nos critérios “Política para Ensino, Pesquisa e Extensão”, “Políticas de pessoal, de carreiras de corpo docente e corpo técnico-administrativo”, “Organização e gestão da instituição e participação dos segmentos da comunidade universitária nos processos decisórios”, “Infra-estrutura física” e “Sustentabilidade Financeira”.

A avaliação
A Avaliação Externa é um dos componentes do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). Criado em 2004, o Sinaes é composto ainda pela Avaliação institucional interna (autoavaliação), pela análise dos cursos de graduação e pela avaliação do desempenho dos estudantes (Enade). De acordo com  o resultado, pode haver descredenciamento da universidade, redução de vagas e suspensão do processo seletivo.

As avaliações possibilitam traçar um panorama da qualidade dos cursos e instituições de educação superior no País. As informações obtidas com o Sinaes são utilizadas pelas universidades, para orientação da sua eficácia institucional e efetividade acadêmica e social; e pelos órgãos governamentais para orientar políticas públicas.