Categorias
Memória

Ambiente virtual de aprendizagem para professores de ciências

Criado no Núcleo de Tecnologia Educacional Para Saúde (Nutes/UFRJ) para desenvolver as atividades pedagógicas dos docentes de física e matemática, o InterAge é um ambiente virtual composto de conteúdo didático que auxilia os educadores a refletirem sobre suas práticas profissionais e a planejarem melhor suas aulas.

 

Argumento 
Projeto dispõe cursos e materiais para explorar a prática dos educadores

Criado no Núcleo de Tecnologia Educacional Para Saúde (Nutes/UFRJ) para desenvolver as atividades pedagógicas dos docentes de física e matemática, o InterAge é um ambiente virtual composto de conteúdo didático que auxilia os educadores a refletirem sobre suas práticas profissionais e a planejarem melhor suas aulas. “O ambiente virtual InterAge pode propiciar a formação continuada de professores das ciências por meio de cursos a distância oferecidos pela coordenação, por meio do acesso autônomo do professor ao ambiente, como também pode ser usado enquanto ferramenta pedagógica no contexto de cursos de formação inicial”, explica a coordenadora do projeto, Flavia Rezende, professora associada do Nutes.

O ambiente é composto por três espaços, o Laboratório Pedagógico, Laboratório Interativo e a área de Cursos. O primeiro laboratório pode ser acessado por qualquer visitante e possui diversos recursos que exploram a prática pedagógica dos profissionais de ensino, como textos de apoio e materiais educativos. O Laboratório Interativo só pode ser acessado por usuários cadastrados, e proporciona interatividade on-line com outros usuários em fóruns de discussão. Já os Cursos, gratuitos, são divulgados apenas para os que possuem cadastro e permite atividades orientadas por tutores com fins de certificação.

O InterAge tem como objetivo proporcionar aperfeiçoamento pedagógico, por meio de uma interatividade prática e simples entre os professores. “Basicamente, os professores resolvem situações-problema da prática pedagógica na forma de planejamentos de aula. Para tal, eles contam com a ajuda da interação on-line com tutores e outros professores que poderá propiciar a reflexão sobre a prática e o contato com textos de pesquisa em educação, em ciências relacionadas aos problemas”, expõe a coordenadora.

O conteúdo do projeto é destinado basicamente para educadores das áreas científicas, em especial a física e a matemática, o que o torna um importante contribuinte para o desenvolvimento do ensino das ciências. “Pretendemos propiciar a reflexão do professor sobre os processos educativos em ciências e a articulação entre conteúdos de educação e conteúdos específicos dessas ciências”, completa Flavia.

O conteúdo do InterAge tem livre acesso aos interessados através do site http://nutes2.nutes.ufrj.br/interage/, onde pode ser realizado o cadastro gratuito e a inscrição nos cursos.