Categorias
Memória

Mais uma empresa quer se instalar no Parque Tecnológico

A proposta da estadunidense Baker Hughes será avaliada na próxima semana. 

O Conselho Diretor do campus universitário analisa na próxima semana a proposta para ingresso no Parque Tecnológico da UFRJ da empresa estadunidense Baker Hughes, fornecedora de equipamentos, serviços e softwares para a indústria de petróleo e gás. De acordo com Maurício Guedes, diretor do parque, após a assinatura de um acordo entre a empresa e a Petrobras, e esta ter anunciado como certa a instalação da Baker Hughes, ainda faltam a discussão e o aval da universidade.

Ele explicou que o plano a ser entregue pela Baker Hughes deve conter o histórico da empresa e das atividades por ela desenvolvidas, o planejamento das instalações necessárias, as áreas da universidade com as quais a empresa pretende interagir e os valores de investimento que a empresa pretende realizar.

Maurício Guedes ainda disse que outras duas empresas do ramo de tecnologia petrolífera já tiveram seus planos de instalação no parque aprovados. São elas a Scholumberger, desenvolvedora de software que empregará cerca de 350 pessoas e ocupará 8 mil metros quadrados do Parque Tecnológico, e a SMC Technologies, pesquisadora de equipamentos para prospecção de petróleo, que terá cerca de 300 empregados e ocupará também uma área de 8 mil metros quadrados. Segundo o diretor do parque, uma das condições para a aprovação dos planos de instalação é a participação de alunos e professores da UFRJ nas pesquisas desenvolvidas pelas empresas.