Categorias
Memória

Comitê vai a Niterói

O Comitê Técnico do Plano Diretor UFRJ 2020 (CTPD) esteve no último dia 19 em Niterói. Os integrantes do grupo de trabalho estiveram reunidos com o secretário municipal de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia e com seu subsecretário.

 Técnico do Plano Diretor UFRJ 2020 (CTPD) esteve no último dia 19 em Niterói. Os integrantes do grupo de trabalho, Pablo Benetti e Carlos Vainer, estiveram reunidos com José Raymundo Romêo, secretário municipal de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia, e com Hugo Túlio Rodrigues, subsecretário da mesma pasta, que também representa o município no Conselho Participativo do Plano Diretor.

José Raymundo ouviu as propostas do Plano de Desenvolvimento da Cidade Universitária, um dos eixos do Plano Diretor, e destacou, com entusiasmo, a importância do caráter integrador, tido como conceito estruturante do Plano Diretor. "É uma iniciativa pioneira no país. Não me lembro de nada parecido no meio universitário com este planejamento e com este perfil de integração tanto interna quanto externa", avaliou o secretário.

Reitor por duas vezes da Universidade Federal Fluminense, entre 1982 e 1986, e entre 1990 e 1994, Romêo fez também sugestões. "Estive na Alemanha e conheci uma iniciativa que visa promover a participação da comunidade na vida da universidade. Por exemplo, a participação dos moradores das residências universitárias na execução do paisagismo do campus, no plano de urbanização estabelecido", citou. "A vinda até aqui é extremamente válida pois conhecemos uma visão de mundo diferente da nossa", destacou Pablo Benetti, presidente do CTPD.

Uma das propostas de convergência entre a UFRJ e o município de Niterói é a idéia de uma ligação aquaviária entre a Cidade Universitária da UFRJ e o campus da UFF, no Gragoatá, em Niterói. "A questão do transporte é muito importante. Já fiz contatos com empresas que podem se interessar e acho que é possível. Mas primeiro, preciso de um projeto elaborado pela universidade para saber da real viabilidade", disse Romêo. "A idéia de realizar este projeto em parceria com a UFF é estupenda. O espírito é de cooperação e não de competição. Gostaria de marcar um encontro entre os reitores das duas universidades e representantes da Prefeitura de Niterói para aprofundar este debate", declarou Carlos Vainer.