Categorias
Memória

Conhecimento e diversão juntos na Semana de Ciência e Tecnologia

A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia acontece na UFRJ entre os dias 3 a 6 de outubro, das 9h às 17h, campus da Ilha do Fundão. Estão previstas muitas oficinas que possibilitam ao público interagir de foram criativa e lúdica com pesquisas e inovações tecnológicas. Veja a programação.

 Tanque Oceânico, oficina de Astronomia, sessões de planetário inflável, oficina sobre a questão de aditivantes em alimentos industrializados, oficinas de contrução de pequenas embarcações e casa das réplicas, onde serão confeccionadas em gesso  fósseis e seres vivos que viveram no passado, entre outras oficinas. Estas atividades fazem parte da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia que acontece entre os dias 3 a 6 de outubro, das 9h às 17h, na UFRJ (Campus da Ilha do Fundão). O evento é coordenado pelo Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), que tem como parceiros instituições de pesquisa científica e tecnológica, universidades, centros e museus de ciência e tecnologia, escolas e associações científicas.
 
A Semana de Ciência e Tecnologia foi criada em 2004, por decreto do presidente Lula, e acontece anualmente durante o mês de outubro. O número de visitantes, instituições participantes e atividades desenvolvidas crescem a cada ano. Em 2004, inspirados pelo tema “Olhe para o céu”, foram 257 instituições, distribuídas por 252 municípios, que promoveram 1.848 atividades. Já em 2005, quando o tema foi “Olhe para água”, foram 844 instituições em 332 municípios, que realizaram 6.701 atividades. Em 2006, dando destaque ao efeito pioneiro de Santos Dumont: o vôo do 14 bis, foram 1.014 instituições, em quase 400 cidades, onde foram realizadas 8.654 atividades.
 
O principal objetivo do evento é mobilizar a população, em especial crianças e jovens, em torno de temas e atividades de ciência e tecnologia, valorizando a criatividade, a atitude científica e a inovação. Pretende também chamar a atenção para a importância da ciência e da tecnologia para a vida de cada um e para o desenvolvimento do País, assim como contribuir para que a população possa conhecer e discutir os resultados, a relevância e o impacto das pesquisas científicas e tecnológicas e suas aplicações.
 
Durante a Semana, o Hangar da Cidade Universitária da UFRJ, sede do Núcleo Interdisciplinar UFRJmar, vai se transformar em um grande centro de exposições, com direito a espetáculos teatrais, muro de escalada e oficinas. Entre elas, uma para produção de pequenas embarcações, mostrando diferentes formas de construir modelos náuticos, assim como as vantagens e desvantagens de cada uma delas. Haverá também passeios de barco pela região e o público receberá noções básicas de vela, podendo assumir o comando da embarcação sob a supervisão do instrutor. A COPPE vai abrir as portas do Laboceano, um laboratório que possui o mais profundo tanque oceânico do mundo. As inscrições para visitas ao Tanque Oceânico acontecerão no Hangar, de onde partirá um ônibus até o local, no sábado, dia 6 de outubro.
 
No Rio de Janeiro acontecem eventos integrados que reúnem diversas instituições em atividades na rua ou em locais de grande circulação de pessoas como, por exemplo, o Largo da Carioca, a Feira de São Cristóvão, o Aterro do Flamengo, entre outros.
 
Para  conhecer a  íntegra da programação viste o site:
www.pr5.ufrj.br/snct