Categorias
Memória

UFRJ no carnaval

Há alguns anos, o carnaval carioca tem sido objeto de reflexão, pesquisa e atividade de  professores e alunos da UFRJ.

 A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) é reconhecida nacional, e internacionalmente, por sua excelência  no ensino e no desenvolvimento de pesquisas de ponta.  Porém, a UFRJ não se restringe apenas ao mundo tecnológico e intelectual da Educação. A universidade é muito próxima de uma das maiores festas populares do mundo: o carnaval carioca.

E isso não é recente. O carnaval carioca tem sido um objeto de reflexão, pesquisa e atividade de alguns professores e alunos da UFRJ.  A Escola de Belas Artes, por exemplo, tem como um de seus docentes, Fernando Pamplona, um dos maiores expoentes do carnaval do Rio de Janeiro. Ele, junto com outro professor, Adir Botelho, são referências  na criação de ornamentações carnavalescas  que enfeitavam as ruas da cidade no século passado. Além disso, Fernando Pamplona foi carnavalesco, assim como Maria Augusta e Rosa Magalhães, também professoras da EBA.

Esses docentes levaram para o mundo do carnaval estudantes da EBA que puderam aplicar seus conhecimentos e terem seus talentos reconhecidos pelo público. Foi o que aconteceu com o ex-aluno da EBA, Jack Vasconcelos, hoje carnavalesco da Escola de Samba Império Serrano.

A EBA não é a única unidade da UFRJ envolvida com carnaval carioca. Há outros institutos e escolas da instituição  que fazem  desta festa popular sua principal fonte de discussão. Veja a matéria que retrata um pouco dessa relação da UFRJ e o carnaval do Rio produzida pela Divisão de Mídias Audiovisuais, da Coordenadoria de Comunicação da UFRJ / CoordCom.

  exibir vídeo